Venda de planos de saúde em Jundiaí

Saúde Suplementar de venda de planos de saúde em Jundiaí

O crescimento da saúde suplementar na cidade de Jundiaí-SP. Cidade interiorana apresenta crescimento exponencial em indicadores sociais.

A saúde suplementar está crescendo na cidade de Jundiaí, no estado de São Paulo. Situada a apenas 60 km da capital paulista, a cidade, com uma população de aproximadamente 400 mil pessoas, possui grandes empresas e indústrias, onde se concentra o foco de crescimento no setor.

Solicite uma cotação: (11) 2626.4184

Planos de Saúde em Jundiaí

Principalmente no que diz respeito à venda de planos de saúde para empresas, a cidade mostra altíssimo potencial. A então “Terra da Uva e do Morango” também se mostra próspera no que diz respeito à produção industrial e à prestação de serviços. A cidade abriga grandes empresas como Mobly, Casas Bahia, Pontofrio, Renault, Nissan, Magazine Luiza, DHL, Sadia, Coca-Cola e outras.

Com estas e outras empresas, Jundiaí cresce com prosperidade e desenvolvimento social. A população quase dobrou desde o ano de 1980, fazendo com que o município do interior atingisse o 7° lugar do ranking de Produto Interno Bruto (PIB) dentro do estado de São Paulo.

De carona com o crescimento populacional, do aumento da renda e da evolução da População Economicamente Ativa (PEA) da cidade, a busca por serviços médicos da saúde suplementar também aumentou, visto que os serviços do Sistema Único de Saúde (SUS) não apresentaram o mesmo grau deascensão.

A demanda por planos de saúde em Jundiaí individuais e familiares é grande, mas é no setor empresarial que o mercado da saúde suplementar se concentra e destaca dentro do município. Grandes, médias e pequenas empresas contratam planos para todo o seu corpo de funcionários, garantindo altos níveis de produtividade, retenção de talentos e baixo índice de ausências dentre os trabalhadores.

O investimento em planos de saúde, de maneira geral, tem crescido a nível nacional. Mas em Jundiaí, assim como em outros indicadores sociais apresentados pela cidade, a média de aumento é superior aos índices estaduais e até mesmo a nível de Brasil. Pelo menos um terço da população jundiaiense é cliente de planos de saúde.

Outro terço utiliza os serviços de cooperativas médicas, enquanto que apenas um terço da população depende exclusivamente do SUS. Os estudos de mercado apontam ainda que a tendência para os próximos anos é de que a porcentagem populacional cliente da saúde suplementar deve ser ainda maior.